Especial Comida di Buteco 2017 – Os Botecos

 

Abril é de Lei: aqui vai nosso guia do Comida di Buteco com todos os botecos e tira-gostos!

 

Como sempre fazemos, entramos no modo “Especial Comida di Buteco”! Este será o post oficial de 2017, com a lista completa dos botecos e fotos dos petiscos que concorrem ao melhor petisco.

Para entender um pouco sobre o concurso e sua dinâmica, dá um pulinho no nosso outro post sobre o Comida di Buteco 2017.

Esta postagem foi atualizada a cada petisco provado, trazendo para vocês nossas impressões e fotos sobre os quitutes dos 26 botecos participantes deste ano, na ordem que fomos conhecendo.

Abaixo a listagem com todos os bares, seus endereços e horários de funcionamento, além da descrição enviada de cada petisco que será servido. Não se esqueça de confirmar a abertura dos locais nos próximos feriados (tem um monte por estes dias!!).

Cultura de Bar

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Há seis anos no Comida di Buteco, o Cultura de Bar os últimos três anos sem fechar as portas um dia se quer. Todos os dias, das 11 horas da manhã às 23 horas, “seu Valdir” está atrás do balcão ou servindo as mesas em seu boteco. Este ano, a casa começou a abrir de terça a domingo, mas com mesmo ânimo de sempre, o seu Valdir chega a mais uma edição do CDB trazendo o prato Cremilho, salgado que para ele não foi um desafio criar. Em pouco tempo tinhas tantas opções dos testes realizados que o difícil foi escolher qual participaria do concurso. Venceu o que para ele foi o mais saboroso.
Nome do petisco: Cremilho
Preço: R$13,90
Descrição: Enrolado de massa de mandioca recheado com creme de milho, queijo e camarão, servido com pimenta picante.
Endereço: R. Dr. Hemilio Henking, 471 – Bonfim
Telefone: (19) 9 8704-7709 / 9 8348-3868
Funcionamento: Terça a domingo: 11h às 23h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita Cartão
Ambiente: Simples
Atendimento: Bom
Data visitada: 14/4/2017 – almoço
Opinião: Dois bolinhos (tipo risoles) fritos, super sequinhos, pequenos e recheados com creme de milho batido, queijo e camarão – o recheio dos nossos bolinhos estavam gostosos, contudo, com pouco camarão. Dependendo da fome, a porção se torna individual.

Botequim da Zepha

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Com um visual retrô de 1926, data em que a mercearia foi aberta por dona Jozepha, a casa é aconchegante e acolhedora. O proprietário Rodrigo Zambolim ressalta que a casa ganhou mais visibilidade e mais clientes desde que começou a participar do Comida di Buteco há 4 anos. Ele acrescenta, contudo, que independentemente da renovação da clientela, a casa é sempre frequentada pela classe artística da cidade – que “bate cartão” no local – e pelos apreciadores das cervejas artesanais que são um dos pontos fortes do botequim. Prato foi elaborado junto com o profissional da cozinha, fazendo os testes e combinações que mais agradavam ao paladar dos donos. Para eles, ficou perfeito.
Nome do petisco: Caseirinho da Zepha
Preço: R$25,90
Descrição: Lanche de baguete integral com linguiça caseira e mussarela, azeitona preta, cebolete, rúcula, tomate e cenoura, cortado em boquinha de anjo. Acompanha mostarda agridoce.
Endereço: R. Uruguaiana, 1266 – Bosque
Telefone: (19) 99200-6639 / 99356-0546
Funcionamento: Terça a sexta: 17h às 22h – Sábado: 15h às 22h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita Cartões
Ambiente: Bom
Atendimento: Bom
Data visitada: 14/4/2017 – Noite
Opinião:  Um lanche boquinha de anjo com linguiça artesanal bem saborosa, bastante rúcula, cenoura e cebolete, num pão integral muito gostoso. Em nossa maratona de botecos, o lanche foi dividido por três; para quem curtirá apenas a Zepha, aproveite para provar as cervejas artesanais e a punhetela da casa!

Buteco do Pira

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: O Buteco do Pira existe desde 1986 e já passou por diversos donos e mudanças de endereço. Antônio Pires (o Pira), atual proprietário, adquiriu o estabelecimento há alguns anos e, em 2013, mudou para o atual endereço, a apenas algumas casas do antigo bar. Ele conta que o buteco é parada obrigatória de Zeca Pagodinho quando o cantor está na cidade para visitar a tia, residente de Campinas. Em seu segundo ano no Comida di Buteco (CDB), Pira conta que ter um cereal como ingrediente obrigatório veio a calhar, já que ele já vinha elaborando um prato que para concorrer no CDB antes mesmo de saber de tal exigência.
Nome do petisco: Surpresa do Pira
Preço: R$25,00
Descrição: Palmito enrolado no presunto e empanado
Endereço: Av. Dr. Arlindo Joaquim de Lemos , 488 – Jardim Proença
Telefone: (19) 3307.7842
Funcionamento: Terça a sexta: 17h às 22h30 – Sábado e domingo: 11h30 às 22h30
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita Cartão
Ambiente: Simples
Atendimento: Bom
Data visitada: 14/4/2017 – Noite
Opinião: Uma porção muito generosa de enroladinhos de palmito e presunto, empanados e fritos. Facilmente, uma galera come o petisco bebericando uma cerveja gelada. Para mim, faltou um molho preparado pela casa; mas havia um molho de pimenta industrializado bem gostoso e aí complementou o prato.

Bar Preste Atenção

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Campeão de 2016, o Preste Atenção é veterano quando se trata de Comida di Buteco. Em sua oitava participação, o bar mantém o mesmo sistema de funcionamento desde a primeira edição, no qual não há garçon, o cliente faz e retira o pedido no balcão. Fábio Guilherme Jorge, gerente e faz-tudo da casa, conta que há muito tempo vinha batendo na trave no Comida di Buteco, que desde sempre ficava próximo ou subia ao pódio, mas nunca era campeão. Isso até o ano passado e espera repetir o feito em 2017. O prato concorrente é o tradicional lanche boquinha de anjo com uma receita criado pelo próprio Fábio que leva presunto Parma, provolone, aveia, rúcula, tomate e azeitona preta.
Nome do petisco: Vera Verão
Preço: R$25,90
Descrição: Lanche de pão francês, presunto parma, provolone, aveia, rúcula, tomate e azeitona preta
Endereço: R. Barão Geraldo de Resende, 52 – Vila Itapura
Telefone: (19) 3232-7613
Funcionamento: Terça a sexta: 13h às 21h30 – Sábado: 13h a 19h30 – Domingo: 15h a 20h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartão
Ambiente: Simples
Atendimento: Excelente
Data visitada: 14/4/2017 – Noite
Opinião: O lanche veio caprichado e com o cereal bem aparente (aqui não fica a dúvida): a aveia foi escolhida e está em todo o recheio. Cortado em boquinha de anjo, tem – além da aveia – presunto parma, provolone, rúcula, tomate, azeitona e mel; alguns paladares apostam num lanche salgado, pra mim realmente não estava.

Linguiceria

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: O boteco abriu as porta ao público em Agosto de 2014 com quatro sócios: Fernanda Dias (que também é gerente e sommeliere de cerveja), Beto Amaral (que é ainda chef), Mario Siqueira (administrativo) e Zezo Siqueira (financeiro). Fernanda conta que a ideia do bar surgiu depois de uma conversa o Beto sobre os bares que via na Europa, mas especificamente em Barcelona, onde havia morado e é muito comum bares que vendem sanduíches de linguiça prensados. Eles queriam trazer um pouco do que tinha vista por lá para Campinas. Assim surgiu a Linguiceria. E para o prato participante, nada mais catalão do que um hambúrguer de linguiça, criação do chef Beto com inspiração nos pratos espanhóis.
Nome do petisco: Porco com porco
Preço: R$25,00
Descrição: Hambúrguer de linguiça mista, com mussarela e bacon acompanhado de molho barbecue.
Endereço: R. Barão Geraldo de Resende, 220 – Botafogo
Telefone: (19) 3324-9744
Funcionamento: Terça a sábado: 18h à 0h
Estacionamento: Na rua
Pagamento:  Aceita cartões
Ambiente: Muito bom
Atendimento: Bom
Data visitada: 14/4/2017 – Noite
Opinião: Que polpetone, amigos! Um lanche melhor que de muita hamburgueria por aí, recheado com polpetone da casa (linguiça de pernil, recheado com queijo, empanado em farinhas de milho, rosca e trigo), bacon em corte diferenciado, queijo e molho barbecue também receita da casa. O queijo do interior do polpetone veio derretendo, inclusive meu coração. Dividimos em três, porque estávamos na maratona botequeira; talvez duas pessoas também dividam o lanche.

O Botequim do Beto

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Com 15 anos de história, o Botequim do Beto vem para sua segunda edição do Comida di Buteco. Em 2002, quando foi adquirido pelo atual dono, o Beto, o bar ficou conhecido por suas mesas de sinuca. Mas há três anos, depois de uma reforma, o bar mudou completamente. Sem a sinuca e com um ambiente mais familiar, as mudanças também passaram pelo cardápio e pela própria estrutura do bar. Focado em servir uma boa comida e cerveja bem gelada no meio da Vila Teixeira, Beto sentiu a necessidade de diversificar mais o público e trazer as famílias do bairro para dentro do estabelecimento, por isso optou pelas mudanças, que resultaram no convite para participar do concurso. Mantendo a receita guardada a sete chaves até o início do concurso, Beto espera surpreender o público com sua moela empanada e frita.
Nome do petisco: Filho Adotivo
Preço: R$25,90
Descrição: Moela pré-cozida mergulhada no molho de cevada, empanada e frita. Acompanhada de molho a base de mostarda e molho de pimenta levemente picante.
Endereço: R. Joaquim Vilac, 683 – Vila Teixeira
Telefone: (19) 3213-0527
Funcionamento: Diariamente de: 17h à 0h
Estacionamento: Próprio, poucas vagas
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente: Bom
Atendimento: Excelente
Data visitada: 14/4/2017 – Noite
Opinião: Porção beeeem generosa de moelas cozidas, empanadas e fritas, bem sequinhas, com molhos super saborosos (pimenta, mostarda – meu favorito – e de alho, que o Beto trouxe para provarmos!). Pode chamar a galera que dá para dividir tranquilamente.

Bar do Rafa

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Participando pela segunda vez do Comida di Buteco, o Bar do Rafa é parada obrigatória para quem vai ao Mercado Municipal de Campinas, onde está localizado. Em funcionamento desde 2002, o buteco também é conhecido com Bar do Tio, que já foi de seu Tio Dito. Para o prato, Rafael pediu a opinião de sua mãe e esposa que trabalham com ele atrás do balcão e na cozinha. Depois de alguns testes, a Fraldinha Chapada ficou deliciosa.
Nome do petisco: Fraldinha Chapada
Preço: R$24,90
Descrição: Bolinho de mandioca recheado com fraldinha na cerveja preta, milho e catupiry
Endereço: Mercado Municipal, box 111, interno
Telefone: (19) 9 8920-3041
Funcionamento: Segunda a sexta: 7h às 18h – Sábado: 7h a 16h Domingo: 7h a 11h30
Estacionamento: Do Mercadão Municipal – pago R$7,00 a primeira hora
Pagamento: Aceita Cartões
Ambiente: Ruim
Atendimento: Bom
Data Visitada: 15/4/17 – manhã
Opinião: Que cuscuz minha gente!!!! Que cuscuz!!!! E o cuscuz não é o petisco principal, somente um acompanhamento perfeito. O tira gosto é uma porção com dez bolinhos recheados com carne (fraldinha) desfiada, milho e catupiry (este último menos presente que a carne). O bolinho é frito e não estava encharcado. O cuscuz vem ao centro do prato, para acompanhá-lo – cá pra gente: se o cuscuz fosse o prato principal eu já teria um forte candidato à vitória.

Bar Basso

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Primeira participação no Comida di Buteco, o Bar Basso tem 21 anos sob a administração da Família Basso (Seu Antenor e seu filho, Ricardo). Localizado em ponto privilegiado no centro de Campinas, esquina da Avenida Francisco Glicério com a Rua Uruguaiana, o ponto em si tem mais de 80 anos e passou por diversos donos até se firmar com os Basso. Para o concurso, o prato escolhido é o carro chefe da casa: o omelete.
Nome do tira gosto: Omelete Gourmet
Preço: R$25,90
Descrição: Omelete de mortadela com rúcula
Endereço: Av. Francisco Glicério, 207 – Centro
Telefone: (19) 9 7406-7411
Funcionamento: Terça a sexta: 10h às 20h – Sábado: 10h às 16h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: SOMENTE DINHEIRO – NÃO ACEITA CARTÕES
Ambiente: Bom
Atendimento: Bom
Data Visitada: 15/4/17 – manhã
Opinião: Um baita omeletão! Grandalhão em tamanho, com o omelete bem fininho e muito bem recheado com mortadela ouro (da Perdigão, marca patrocinadora), queijo e rúcula, com queijo gratinado em cima, tomate e salada de rúcula como acompanhamento. Sério: o prato é dedicado pra gente com fome! Após visitar o Bar do Rafa, em duas pessoas não conseguimos comer inteiro o omelete. Foi o primeiro bar a nos oferecer uma porção cortesia da mortadela Perdigão.

Rei do Joelho

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: O nome do Buteco leva rei no nome e em 2017 também faz parte do nome do petisco participante. Com o petisco Lombo do Rei, a casa entra forte na disputa para levar o título de petisco campeão do Comida di Buteco. Como sempre, o proprietário Valmir Bellotti pede a opinião dos clientes para testar a receita do petisco participante e mais uma vez foi aprovado com louvor. Ficou curioso? Bora butecar!
Nome do petisco: Lombo do Rei
Preço: R$25,90
Descrição: Copa lombo assado temperada na cerveja escura guarnecido com cebola caramelizada e pão
Endereço: R. Dr. Osvaldo Cruz, 137 – 151 – Guanabara
Telefone: (19) 3255-2017
Funcionamento: Segunda: 11h às 14h – Terça a sexta: 11h às 23h – Sábado: 11h às 16h
Estacionamento: Na Rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente:  Bom
Atendimento: Excelente
Data Visitada: 15/4/2017 – tarde
Opinião: Uma porção de lombo suíno assado e em pequenos pedaços, com um tempero saboroso (eu que não bebo cerveja, senti o sabor dela no tempero), acompanhada com uma porção de cebolas pequenas caramelizadas que estão divinas. Pimenta biquinho e pão com orégano completam o prato que dá para dividir. Aqui também recebemos uma porção de mortadela ouro Perdigão e provamos as batatas rústicas da McCain (outro patrocinador do CdB2017).

Bar do Bigodi e da Tia Eli

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Desde a primeira edição no Comida di Buteco Campinas, o Bar do Bigodi e da Tia Eli vem com releitura do seu primeiro prato no concurso. Ao relembrar a receita original, notaram que poderiam ter feito diferente acrescentado algum ingrediente, ou mudando a quantidade da porção, apresentação do prato, etc. Diante disso, decidiram então fazer uma releitura do prato estreante no concurso, procurando mostrar um pouco mais de maturidade, que foi adquirida com o passar dos anos. O Bar do Bigodi e da Tia Eli tem 24 anos e cresceu muito depois do Comida di Buteco. Eli conta que viu seu público crescer e diversificar assim como as melhorias em seu bar, com reformar, expansão e um aumento significativo no número de mesas.
Nome do petisco: O Rei do pedaço
Preço: R$25,90
Descrição: Escondidinho de costela de porco refogada na cerveja, coberta por mandioca cozida, com queijo provolone gratinado
Endereço: R. Alberto Vilani, 110 – Vila Nova
Telefone: (19) 3243-9294
Funcionamento: Terça a sexta: 16h às 22h – Sábados: 10h às 22h – Domingos: 10h às 14h
Estacionamento: na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente: Bom
Atendimento: Muito bom
Data Visitada: 15/4/2017 – tarde
Opinião: Sou naturalmente apaixonada por escondidinho, a Tia Eli caprichou colocando uma mandioca bem cozida, com pequenos pedacinhos, a carne de porco cozida e desfiada está bem leve (aqui senti menos o gosto da cerveja que no Rei do Joelho). O provolone gratinado por cima deu um toque perfeito. A porção é relativamente pequena, se você não está numa maratona de botecos, é possível comer uma sozinho – dividimos em três, contudo estávamos indo de boteco em boteco. No nosso Instagram, eu disse e repito aqui: todo ano eu quero uma travessa de presente nos botecos (já quis a do Rancho Vô Joaquim de dois anos atrás) e agora quero as cumbuquinhas onde vem o escondidinho, fiquei apaixonada! Foi oferecida a porção de mortadela ouro, mas aqui agradecemos para a casa e não comemos.

Boteco do Joca

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Estreante no Comida di Buteco e novo na cidade, o Boteco do Joca foi inaugurado em março de 2015 e já veio com o lema de ser o melhor da cidade. Um bar moderno e ousado, mas que tem o aconchego dos butecos, o novato vem com Temakinho Caipira, prato criado depois de uma ida desastrosa da cozinheira a um restaurante japonês, no qual ela não comida absolutamente nada, mas tirou a ideia do Temaki para criar o petisco concorrente.
Nome do petisco: Temakinho Caipira
Preço: R$17,90
Descrição: Cones recheados com frango, cream cheese, milho e chia, crustados na farofa de milho
Endereço: R. Dr. Rafael Salles, 639 – Bonfim
Telefone: (19) 2517-1358
Funcionamento: Quinta a sábado: 18h às 22h
Estacionamento: Na rua
Pagamento:  Aceita Cartões
Ambiente: Muito bom
Atendimento: Bom
Data Visitada: 15/4/2017 – Noite
Opinião: Inspirado nos temakis japoneses, o prato do Joca é feito com canudinho frito, recheado com um creme de frango, milho, bastante chia (eu adorei!) e por cima uma farofinha de milho que ficou bem parecido com ovas de peixe – achei a apresentação muito graciosa! Gostei muito da ideia, bem diferente e também saborosa.

Estação Bonfim

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Outro novato no Comida di Buteco, o Estação Bonfim está sob o comando dos novos proprietários há apenas oito meses, mas estabelecido em um ponto conhecido dos botequeiros da cidade: o bairro Bonfim. Com um tonel de carvalho com cachaça envelhecida e uma roupagem moderna para ser considerado pé-sujo, o Estação Bonfim mantém sua alma botequeira com pratos tradicionais, cerveja gelada e uma boa cachaça. O prato competidor do concurso é uma criação especial para o CDB. Depois de testes e degustações, a receita final destaca o aroma do prato, que mistura o defumado do joelho de porco com o manjericão.
Nome do petisco: Eisben Pastell
Preço: R$22,00
Descrição: Massa de pastel com quinoa recheada com joelho de porco defumado, catupiry e manjericão
Endereço: R. Dr. Rafael Salles, 758 – Bonfim
Telefone: (19) 3367-7768
Funcionamento: Terça a sexta: 16h às 21h – Sábado e domingo: 12h às 17h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente: Bom
Atendimento: Bom (o tio do proprietário é de uma animação ímpar!)
Data Visitada: 15/4/2017 – Noite
Opinião: Chegamos com a cozinha encerrando o serviço, mas conseguimos uma última porção que vem com seis pasteis com tamanho entre o pequeno e o tradicional de feira. Cada pastel veio recheado com joelho de porco desfiado, catupiry e o manjericão que deu um sabor especial ao tira gosto. Adoro manjericão!!!

Botequim da Estação

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Jaguariúna
Perfil: Em funcionamento desde 1991 na estação de trem de Jaguariúna, o Botequim da Estação é o único concorrente de Jaguariúna. Há quase 25 anos em atividade, o gerente diz que recebe todo tipo de cliente, mas tem seu público fiel. O que fez com que o Botequim adaptasse o cardápio ao longo dos anos, para atender o maio número de gostos possíveis. Thomás Messias, gerente do Botequim, conta que tiveram muita dificuldade para chegar na receita final do petisco por ter o ingrediente obrigatório assim que formalizamos a ideia da trouxinha. Pesquisaram muito e fizeram diversos testes até chegar a um petisco diferenciado que pudesse ganhar o concurso. De acordo com ele, todos que experimentaram adoraram.
Nome do petisco: Trouxinha da Estação
Preço: R$25,90
Descrição: Trouxinha de frango com creme de milho e molho picante
Endereço: Av. Marginal, S/N, Estação da Maria Fumaça (Jaguariúna)
Telefone: (19) 3867-1411 / 3837-5128
Funcionamento: Diariamente: 11h à 0h
Estacionamento: Sim, gratuito
Pagamento: Aceita Cartões
Ambiente: Bom
Atendimento: Bom
Data Visitada: 16/4/17 (Noite)
Opinião: As trouxinhas feitas com massa de pastel, recheadas com creme de milho e frango estão muito (muito) saborosas, sequinhos e o molho podia ser maaaaais picante – tá, não somos parâmetro para pimenta! Duas pessoas comem tranquilamente a porção toda (vieram 11 trouxinhas).

Bar e Mercearia Lumen Christ

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Em sua segunda participação no Comida di Buteco, o Lumen Christ Bar e Mercearia é o representante do bairro Chácara da Barra, em Campinas, e certamente um dos bares mais antigos do concurso. Com 50 anos de existência no mesmo endereço, a casa já passou nas mãos de alguns donos, mas ao assumirem o bar em agosto de 2014, os irmãos Augusto e Leonardo Ortiz deram uma cara nova ao já charmoso boteco com reformas, mas sem perder a alma de buteco. Também conhecido com o bar do torresmo, o petisco deste ano é o Tiras de frango à moda Lumen e usa três cereais na sua receita: o trigo, a aveia e a quinoa. Um saboroso creme de gorgonzola acompanha o prato.
Nome do petisco: Tiras de frango à moda Lumen
Preço: R$25,90
Descrição: Tiras de frango empanadas com trigo, aveia e quinoa. Acompanhadas com creme de gorgonzola
Endereço: R. Pereira Barretos, 16 – Chácara da Barra
Telefone: (19) 3252-3684
Funcionamento: Segunda a sábado: 11h às 22h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita Cartões
Ambiente: Simples
Atendimento: Ruim
Data Visitada: 18/4/17 (Almoço)
Opinião: Outra porção generosa para os clientes! As tirinhas de frango foram cortadas na hora do nosso pedido, então estavam super fresquinhas. O empanado com flocos de aveia e de quinoa ficou espetacular (gostei tanto da ideia que fiz aqui em casa depois de provar lá :D ). Aplausos em pé para o creme de gorgonzola que acompanha as tirinhas; elas puras são boas e ‘chuchadas’ no molhinho ficam ainda melhor. Foi nosso almoço, sem complemento.

Bar do Ari

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Valinhos
Perfil: O Bar do Ari está participando pela primeira vez do Comida di Buteco. Inaugurado no dia 22 de Agosto de 2003, o bar surgiu com uma proposta pioneira na cidade de Valinhos: dentro do bar foi fundado um cine clube com exibições de curtas, médias, longas metragem e documentários todas as terças pontualmente às 20hs. O prato escolhido para participar do concurso é uma receita de família, criado pela avó do Seu Ari e de acordo com ele é Show de gastronomia.
Nome do tira gosto: Show de…
Preço: R$20,00
Descrição: Polpetone de carne moída e anchova recheado com gorgonzola acompanhado de geleia de pimenta
Endereço: Av. Independência, 1293 – Jardim São Jorge (Valinhos)
Telefone: (19) 9 9790-7993
Funcionamento: Segunda a sábado: 16h30 às 23h30
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita Cartões
Ambiente: Simples (Bom)
Atendimento: Muito bom
Data Visitada: 17/4/17 (Noite)
Opinião: As surpresas do CdB2017 estão pipocando e o Bar do Ari entrou pro rol onde queremos voltar, porque adoramos o lugar. Os cinco polpetones da porção são beeeem grandes, fritos e no meio há um pedaço de gorgonzola. O ponto do polpetone está bom, não estava cru – como eu (Gisele) sou adepta da carne bem passada, pro meu gosto pessoal precisava fritar um pouquinho mais, risos! Experimente com e sem o molho de pimenta, faz toda a diferença. Ele não é extremamente ardido ao colocar na boca, mas dá uma ardência bem saborosa com o polpetone.

Bar do Dito

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Valinhos
Perfil: Outro estreante no Comida di Buteco, o Bar do Dito funciona desde 1990, quando os atuais proprietários compraram o ponto. Para os novos donos, os desafios eram melhoria no movimento e a inclusão de alguns pratos no cardápio. A receita também é da família e contam que a avô fazia no sitio em que morava para os netos. Eles modificaram a receita somente o suficiente para acrescentar o ingrediente obrigatório e depois de alguns testes com clientes, a Couve-flor Bombada foi aprovada.
Nome do petisco: Couve-flor bombada
Preço: R$18,90
Descrição: Couve-flor recheada com presunto, queijo e bacon frito
Endereço: Av. Dom Nery, 392 – Santa Cruz (Valinhos)
Telefone: (19) 3871-2522 / 3871-4044
Funcionamento: Segunda a sexta: 16h às 23h – Sábado: 12h a 22h – Domingo: 10h a 15h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita Cartões
Ambiente: Simples (Bom)
Atendimento: Muito bom
Data Visitada: 17/4/17 (Noite)
Opinião: A ‘couve-flor bombada’ é uma delícia: vem recheada com pequenos pedaços de presunto entremeado aos galhinhos da couve-flor, tudo isso empanado e frito; por cima muito queijo e bacon. É um prato meio oleoso, já que tem fritura + queijo mussarela + bacon. Duas pessoas dividem com sucesso a couve-flor.

 Bar do Saulo

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: O Bar do Saulo completa 58 anos de existência este ano, já contabiliza a terceira geração da família Andrietta atrás do balcão e, ressalta o próprio Saulo, atende a quarta geração de frequentadores. Mas, de dois anos pra cá, viu muita coisa mudar desde que ingressou no Comida di Buteco. O publicou cresceu, precisaram contratar mão de obra – que antes era somente o Saulo e sua filha, agora está com oito funcionários – e também estão ampliando o buteco. A casa ao lado foi adquirida e a reforma deve ficar pronta no dia 14, abertura do concurso. O prato este ano é o Etâ Ragu bão, receita de família que sempre trouxe sorte para os Andrietta desde 1957, quando conseguiram o primeiro Habite-se do imóvel onde funciona do bar. O cereal usado é o milho, mas especificamente a canjiquinha (milho triturado grosseiramente) e depois de vários testes, chegaram a receita final que ficou deliciosa. Corre lá para experimentar!
Nome do petisco: Êta Ragu bão
Preço: R$25,90
Descrição: Creme de milho, ragu de fraldinha com cerveja, champion, requeijão, muçarela e batata palha. Acompanha bolinhas de ragu com gorgonzola e catupiry
Endereço: Av. Guarani, 341 – Jardim Proença
Telefone: (19) 3325-5860
Funcionamento: Segunda a sexta: 17h às 23h – Sábado e domingo: 12h a 23h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita Cartões
Ambiente: Bom
Atendimento: Muito bom
Data Visitada: 17/4/17 (Noite)
Opinião: Que porção é essa? Três cumbuquinhas com ragu de canjiquinha de milho, bem temperada, recheado com carne (fraldinha) desfiada feita com cerveja, muito queijo gratinado e batata palha por cima – de comer de joelhos. Acompanhando três bolinhos também de ragu e carne, acrescentado de gorgonzola – também está uma delícia, bem sequinho. Três pessoas podem dividir a porção, se estiver numa maratona de botecos, dá tranquilamente para todos – cada cumbuquinha é pequena. Ou eu quero um tacho inteiro deste ragu pra mim, não decidi isso ainda.

Estação Barão

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: O movimento nunca para. Assim é o bar Estação Barão, boteco localizado em Barão Geraldo, que recebe grande parte dos estudantes das universidades ao redor, assim como um público jovem atraído pelos petiscos, cerveja gelada e música de qualidade oferecida pela casa. Há seis anos no Comida di Buteco, Mariana e Felipe, proprietários do bar, viram seu movimento aumentar muito, trazendo público de outras regiões da cidade. Com isso, aumentou também o tamanho do bar, o número de mesas e de funcionários. Em relação ao petisco, a receita foi criada na base do teste e das opiniões dos funcionários, mas sabiam desde o início que queriam usar o arroz como cereal obrigatório.
Nome do petisco: Arancini a Moda Mineira
Preço: R$7,00
Descrição: Bolinho de risoto de mignon com catupiry e massa de queijo
Endereço: R. Horácio Leonardi, 76 – Barão Geraldo
Telefone: (19) 9 9433-7446 / 9 8911-9009
Funcionamento: Terça a quinta: 16h às 23h45 – Sexta e sábado: 16h às 0h45 – Domingo: 15h às 22h45
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente:  Muito bom
Atendimento: Bom
Data Visitada: 18/4/17 (Noite)
Opinião: O  ‘bolinho’ concorrente do Estação Barão é enorme, assim como os coxinhas que a casa tem no cardápio há tempos. Ele é recheado com filé mignon em pedacinhos e catupiry, empanado e frito. Nossos bolinhos não estavam encharcados e – confesso! – dividi uma unidade. Ah! Não é porção, é unitário tá?

 Eskina Bar

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Em sua terceira participação no Comida di Buteco, o Eskina Bar mantém sua tradição de um bom samba de raiz, cerveja gelada e pratos turbinados. Em uma movimentada esquina da região central de Barão Geraldo, o boteco foi fundado em 2008 por Ivamir Victor Pizani, carioca da gema e ex-frenquentador dos bares da Lapa e Vila Isabel, no Rio de Janeiro, de onde tirou inspiração para criar seu próprio bar em terras campineiras. Este ano as melhorias são visíveis: paredes pintadas, banheiros duplicados e uma atenção especial para o atendimento dos clientes. O processo de criação foi bem lento com diversas variações e muita degustação por parte dos funcionários e amigos até chegarem à receita final. Os clientes ficaram bem curiosos quanto ao petisco, pois não é muito comum na região de Campinas. Trata-se de um bolinho de milho verde recheado com bacon e catupiry.
Nome do petisco: Bombom de miii verde
Preço: R$25,90
Descrição: Bolinho de milho verde recheado com bacon e catupiry
Endereço: R. Horácio Leonardi, 12 – Barão Geraldo
Telefone: (19) 3722-5237
Funcionamento: Segunda a quarta: 16h30 às 23h30 – Quinta: 16h30 à 0h – Sexta e sábado: 16h30 à 1h – Domingo: 16h às 23h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente:  Muito bom
Atendimento: Muito bom
Data Visitada: 18/4/17 (Noite)
Opinião: O Eskina caprichou na porção concorrente ao CdB deste ano. São seis bolinhos de milho verde, com bacon e catupiry em seu recheio – dá para sentir os grãos de milho na massa e ficou muito gostoso. Acompanhando os bolinhos, milhos verdes em conserva e muito bacon, além de um molho de pimenta e um licor (?) de milho (tem gostinho de pamonha).

 Toca do Tatu

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: O Toca do Tatu participa pela primeira vez do Comida di Buteco, mas já tem quilometragem no quesito butecar. Fundado em 2009 pelo Edenilson, mais conhecido como Tatu pelos amigos. O nome do bar quem escolheu foi um dos primeiros clientes e assim ficou até hoje. O petisco Rolha de Vaca atolada vem de uma receita da Vó. Com mais algumas modificações estrategicamente feitas, o petisco é um forte concorrente ao prêmio. Quem já provou disse que o sabor é espetacular.
Nome do petisco: Rolha de Vaca Atolada
Preço: R$22,90
Descrição: Croquete de costelinha gaúcha, mandioca e farinha de linhaça
Endereço: R. Angelo Vicentim, 598 – Barão Geraldo
Telefone: (19) 3289-0955
Funcionamento: Terça a sexta: 15h às 23h – Sábado: 10h às 23h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente:  Bom
Atendimento: Regular
Data Visitada: 18/4/17 (Noite)
Opinião: Este ano os botecos estão generosos! A Toca do Tatu veio com uma porção, 10 unidades, de croquetes de vaca atolada – costelinha desfiada, mandioca e farinha de linhaça – pra quem não gosta deste cereal, fica tranquilo, tá bem delicado na massa. Recebmos como cortesia a mortadela da Perdigão.

Possante Bar

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: O Possante iniciou sua trajetória em 2013, mesmo ano em que foi convidado para participar do Comida di Buteco pela primeira vez. O estabelecimento tem como nome o apelido do ex-proprietário, que por sua vez era chamado de “Possante” porque este é o nome da versão lusitana do desenho animado Super Mouse, com quem aparentemente alguém achou que ele se parecia. Pedro Nicolau, atual proprietário, conta que depois que comprou o bar, o antigo dono se tornou seu cliente número um. Por sinal, foi Possante o inventor do corte boquinha de anjo (que “democratiza” o sanduíche entre os clientes). Além disso, é possível reparar no cardápio lanches com diversos nomes de clientes cativos e familiares, cada um com uma história por trás. O prato criado para o concurso foi uma invenção do próprio Pedro que queria usar a cerveja e a farinha de trigo do pão para fazer um lanche com corte boquinha de anjo. Daí para escolher a costela como carne, bastou testar qual ficava mais gostosa com o molho de cerveja para ter certeza do prato final.
Nome do petisco: Ripa na chulipa
Preço: R$25,90
Descrição: Lanche de costela de ripa com mussarela, rúcula e cebolas grelhadas acompanhado de molho de cerveja e chips de mandioca.
Endereço: Av. Barão de Itapura, 2964 – Jardim Guanabara
Telefone: (19) 3252-2849
Funcionamento: Segunda a quinta: 17h à 0h – Sexta e sábado: 17h à 1h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente:  Muito bom
Atendimento: Muito bom
Data Visitada: 19/4/17 (Noite)
Opinião: O Possante caprichou este ano no lanche! Um boquinha de anjo, com bastante carne de costela desfiada, mussarela, rúcula e bastante cebola grelhada (alô você que não gosta de cebola, desta vez esqueci de perguntar se tem como tirar antes :( ). Para acompanhar chips sequinho de mandioca e um molho a base de cerveja.

Casa Du e Du

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: A Casa Du e Du está em sua quarta participação no Comida di Buteco e desde o ano passado vem apresentando melhorias no estabelecimento, seja na reforma de banheiros, cadeiras e até na decoração. O bar abriu suas portas em 2005 pelo conhecido Edu Bambu. Em 2007 o bar foi comprado por Ciça e Fabinho, que logo deram suas caras para a casa, acrescentando alguns lanches e porções. O bar tem como característica o self service de cervejas, no qual as pessoas se dirigem até os freezers e retiram a cerveja de sua escolha. Apesar de haver garçons, estes não servem as bebidas em garrafas. Eles estão lá para atender pedidos de porções e outras bebidas, tais como sucos, cachaças, batidas. Também não é cobrado o serviço (gorjeta) de 10% como é costume no Brasil. A criação do petisco deste ano teve a ajuda da cozinheira, que é nordestina e soube combinar os ingredientes típicos daquela região com a tradicional massa de pastel tão apreciada pelos paulistas.
Nome do petisco: Rolim Du Vizim
Preço: R$25,90
Descrição: Combinação de carne seca, calabresa, bacon, feijão de corda, arroz e queijo coalho enroladinho na massa de pastel.
Endereço: R. Eduardo Lane, 308 – Jardim Brasil
Telefone: (19) 3212-4766
Funcionamento: Terça a sexta: 17h às 23h – Sábado: 16h às 23h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente:  Muito bom
Atendimento: Excelente
Data Visitada: 19/4/17 (Noite)
Opinião: Tá com fome? Corre pro Du&Du! A porção de cinco pastéis recheados com baião de dois é uma refeição de respeito! Cada pastel tem três colheradas da mistura entre arroz branco, feijão de corda (que está mais firme, então dá para senti-lo na mordida), carne seca, calabresa e bacon picadinhos. É um senhor pastel! Vá com fome ou encha a mesa de amigos!!!

Quiosque da Horta

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: O Quiosque da Horta chega para sua quarta participação no Comida di Buteco. Em 2015 foi campeão e dessa vez não quer deixar escapar o título de melhor petisco da cidade. Com o nome de Tacos Ariba, o mignon suíno desfiado e bem temperado deve agradar em cheio aos butequeiros de Campinas e região. Ficou com água na boca? Partiu Quiosque da Horta!
Nome do petisco: Tacos Ariba
Preço: R$25,90
Descrição: Massa crocante recheada com mignon suíno desfiado bem temperado
Endereço: R. Doutor Jose Ferreira de Camargo, 1221 – Nova Campinas
Telefone: (19) 9 9630-1006
Funcionamento: Segunda a sábado: 11h às 22h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente: Bom
Atendimento: Bom
Data Visitada: 20/4/17 (Almoço)
Opinião: Que lindeza de apresentação, gente!!! O prato com um mini-sombreiro ficou uma gracinha e trouxe um ar realmente mexicano ao prato: tacos (de milho) recheados com mignon suíno e alface fresquinha da Horta. O molho vinagrete que acompanha podia ter mais pimenta (já falei que não sou parâmetro para ardência de pimentas!).

 Taberna do Oliveira

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Pelo terceiro ano consecutivo, a Taberna do Oliveira vem para mais uma edição do Comida di Buteco. A casa possui esse nome desde 2012 e tem no Seu Oliveira, o Seu Henriques e o Jorge Martins, a alma portuguesa por traz do balcão e da cozinha. Após vários testes e provas, o petisco Sensação é a aposta da casa para faturar o Comida di Buteco pela primeira vez.
Nome do petisco: Sensação
Preço: R$25,90
Descrição: Lanche de contrafilé, tomate, orégano, manjericão e provolone
Endereço: R. Hermínia de Andrade Couto e Silva, n° 23 – Parque São Quirino
Telefone: (19) 3256-2235
Funcionamento: Segunda a sábado: 16h às 23h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente: Bom
Atendimento: Bom
Data Visitada: 20/4/17 (Noite)
Opinião: Este ano a Taberna veio com um lanche cortado em boquinha de anjo, recheado com contra-filé, tomate, orégano, manjericão e provolone – temperos que se combinam e deram um sabor especial à carne. Para acompanhar, vieram batatinhas McCain como cortesia.

Buteco Rancho Vô Joaquim

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: O Rancho Vô Joaquim está acostumado com o pódio do Comida di Buteco. Campeões em 2012 e 2015, e vices em 2013, Rita e Adilson – proprietários do boteco – estão sempre entre os primeiros colocados no concurso de cozinha de raiz. Na opinião de Rita, o segredo para manter-se no topo é não deixar a qualidade cair. Este ano, o bar está em novo endereço. Mudou-se do bairro do Guanabara para o distrito de Joaquim Egídio, local onde já funcionava um restaurante dos mesmos proprietários. Mais um bar que utiliza uma receita de família, Rita e Adilson admitem que gostam de ter uma ingrediente obrigatório, já que estimula a criatividade de todos os concorrentes. E o trem ficou bom e inovador mesmo!
Nome do petisco: Trem Bom Oxente
Preço: R$25.90
Descrição: Acarajé de milho verde, recheado com vatapá, servido com batata doce chips. Acompanha molho de pimenta e molho especial da casa
Endereço: R. Heitor Penteado, 1407 – Joaquim Egidio
Telefone: (19) 3298-6299
Funcionamento: Segunda e terça: 11h às 15h – Quarta a sábado: 11h às 22h
Domingo: 11h às 17hEstacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente: Muito bom
Atendimento: Excelente
Data Visitada: 20/4/17 (Noite)
Opinião: Amei. Simplesmente amei. Milho, camarão e batata doce, coisas que amo, não tem como não me agradar =) . O Rancho trocou a receita do acarajé tradicional (de feijão) e deu leveza à massa usando milho verde. São quatro bolinhos que levam no recheio vatapá (com camarão) e acompanhando chips de batata doce bem sequinhos e crocantes. Para quem quer deixar ‘quente’ o negócio, um molho de pimenta dos bons! Há a opção do um molho especial da casa, bem leve e sem ardência.

Bar do Carioca

Este slideshow necessita de JavaScript.

Cidade: Campinas
Perfil: Muito mudou desde sua primeira participação no Comida di Buteco. O campeão da primeira edição do concurso de Campinas, em 2010, viu seu bar quadruplicar de tamanho e o público crescer de forma estrondosa. Com 33 anos, o Bar do Carioca chega à sua oitava participação no CDB concorrendo com o petisco Coxinha do Lisboa. No bar, além do Carioca, seus filhos também estão atrás do balcão e na cozinha. Um ambiente familiar e agradável bem no meio do bairro do Bonfim.
Nome do petisco: Coxinha do Lisboa
Preço: R$8,00
Descrição: Coxinha portuguesa: milho, ervilha, azeitona verde, orégano, queijo, presunto, palmito, ovos picados e catupiry
Endereço: R. Erasmo Braga, 1067 – Bonfim
Telefone: (19) 3243-5811
Funcionamento: Segunda a sexta: 17h às 22h – Sábado: 12h a 22h
Estacionamento: Na rua
Pagamento: Aceita cartões
Ambiente: Bom
Atendimento: Excelente
Data Visitada: 21/4/17 (Noite)
Opinião: Inspirado nas tradicionais receitas portuguesas, a coxinha do Carioca tem um recheio caprichado: milho, ervilha, azeitona, ovo e palmito picados, queijo, presunto e catupiry – sim, tudo isso! Eu que adoro uma pizza portuguesa, como não gostar da coxinha? A fritura estava sequinha! Ah! O petisco é individual e já vem cortadinho ao meio.

Os perfis de cada estabelecimento foi fornecido pela assessoria de imprensa D&D Comunicação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s